Thumbnail
Access Restriction
Open

Author Galery, Augusto Dutra
Source Directory of Open Access Journals (DOAJ)
Content type Text
Publisher Universidade de São Paulo
File Format HTM / HTML
Date Created 2017-07-11
Language English ♦ Spanish ♦ French ♦ Portuguese
Subject Domain (in LCC) BF1-990
Subject Keyword Psychologie sociale ♦ Psychology ♦ Démocratie ♦ Psychanalyse de groupe ♦ Philosophy ♦ Religion
Abstract Resumo Este artigo investiga a hipótese de que o sistema democrático como modelo de organização de grupos instituídos tem a função intersubjetiva de manter o vínculo social, ao transferir para o representante eleito o mal-estar da convivência, mas sem permitir ao representante o poder absoluto. O representante ocupa, portanto, a posição de tabu, que mantém o desejo narcísico e onipotente rejeitado entre os membros. Do ponto de vista do representante, significa submeter seu ideal de Eu aos ideais do grupo, num movimento contrário ao do líder descrito por Freud em Psicologia das massas e análise do eu. Essa hipótese foi usada para analisar a história de vida de um representante sindical e retratar seu sofrimento psíquico durante sua atuação e após a saída do sindicato. A psicanálise e a psicossociologia são as principais teorias de base utilizadas, em destaque os textos de S. Freud, R. Kaës, J. Barus-Michel e E. Enriquez.
ISSN 16785177
Age Range 18 to 22 years ♦ above 22 year
Educational Use Research
Education Level UG and PG ♦ Career/Technical Study
Learning Resource Type Article
e-ISSN 01036564
Journal Psicologia USP
Volume Number 28
Issue Number 2
Page Count 10
Starting Page 196
Ending Page 205


Source: Directory of Open Access Journals (DOAJ)